Nesta terça- feira (12), a polícia militar foi acionada, após um homem de shorts vermelho e com o corpo tatuado ter entrado em um matagal no bairro Parque das Araras, puxando o braço de uma menina. Juntamente com as autoridades, alguns populares uniram-se em busca dos dois mata a dentro, sem êxito encontraram-nos nas margens da rua chapada. 

A menina relatou que se dirigiu até o matagal para tirar a própria vida, o que levou-a isso, é o fato de ter dado a luz a uma criança prematura, que encontra-se internada no hospital com problemas de saúde. O homem é seu esposo, que impediu que a tragédia acontecesse, puxando-a pelo braço e não permitindo que pulasse dentro de um buraco. Além disso, momentos antes a vítima havia usado um pedaço de vidro quebrado, para cortar os próprios pulsos. Diante da situação em que os dois encontravam-se, foram conduzidos até a delegacia para possíveis providencias. Ressaltando que a vítima rejeitou atendimento médico.

REDAÇÃO MT ALERTA – Kawany Makximovitz